Veterinário alerta: gato e cachorro estressaram na quarentena, tem jeito?

A quarentena chegou para ficar.  Durante esse período difícil  a nossa rotina ficou de ponta cabeça. O cuidado veterinário e de bem-estar em geral do nosso cachorro ou gato acabam ficando atrapalhados e isso afeta tanto a saúde do gato como a do cachorro.

Estou recebendo muitos telefonemas e mensagens por whatsapp de tutores tanto de cachorro como de gato que estão com os animais adoecendo nos últimos dias. Os gatinhos não fazem xixi, os cachorrinhos estão com o pelo caindo. O que está acontecendo?

É o stress da mudança de rotina.

Nesses últimos dias estamos o tempo todo em casa, as crianças estão sem aula, é difícil fazer mercado e estamos mais tensos que o normal. O que precisamos fazer para cuidarmos da melhor forma possível do nosso cachorro e gato?

Se precisar de veterinário a domicílio em Londrina, Cambé ou Ibiporã ligue para nós no (43)3354-2600 ou (43)98857-7434 (whatsapp). Se preferir clique nos botões abaixo:

Agende pelo Whatsapp

Agende pelo Telefone

O mais importante: Mantenha a rotina do seu pet

A nossa rotina mudou de repente, mas a rotina do cachorro e do gato, na medida do possível, precisa ficar parecida com como era antes. Se o veterinário do seu cachorro ou gato tiver indicado o uso de medicamentos, administre-os no horário previsto todos os dias.

Mantenha, no que puder, os horários de comer, a rotina de escovação de pelos, os momentos de lazer e tudo mais que você e o pet costumam fazer juntos.

Crie um lugar tranquilo para ele ficar

Com as crianças em casa o ambiente fica bem mais agitado do que quando eles estão na escola. Para o cachorro e o gato isso significa que os momentos em que eles descansavam estão preenchidos pelas brincadeiras das crianças. Isso por um momento é bom, mas acaba cansando os cachorrinhos e gatinhos.

É importante ter um espaço onde os pets possam descansar e até dormir sem a interação com as crianças. Pode ser um quarto, um cantinho e, no caso do gato, o alto de um armário ou até uma caixa. Caso tenha dúvida, fale com um veterinário de confiança.

Cuidado no horário da alimentação

Os nossos horários de alimentação ficam alterados nesses dias de quarentena, mas os horários de comer do cachorro e do gato precisam se manter iguais. Uma mudança nos horários de alimentação causam insegurança e grande estresse aos animais.

Forneça a mesma ração de sempre (principalmente ração com indicação do veterinário)

Com as saídas de casa ficando difíceis e arriscadas, poemos acabar comprando uma ração para o cachorro e para o gato diferente do que costumamos comprar. Isso tem um impacto grande para eles. Animais com indicação do veterinário para rações especiais, como para cães diabéticos, com problemas renais, etc., devem redobrar esse cuidado.

Se não for colocar sua saúde em risco, procure adquirir as mesmas rações de sempre, isso dá um senso de segurança para os animais e protege o bem-estar geral deles.

Converse e tranquilize seu pet

A gente pode não perceber, mas estamos mais tensos nesses dias de quarentena do que em nossa rotina normal. E os pets percebem isso. Eles não entendem os motivos dessa tensão, mas sentem que precisam ficar alertas o tempo todo. E isso os cansa muito.

Converse com seu cachorro ou gato, explique que está tudo bem, que eles estão fazendo tudo certinho e estão sendo ótimos amigos. Escove os pelos deles, brinque, mostre que está tudo bem. Vai fazer uma grande diferença para prevenir o estresse.

Se mesmo assim o pet indicar sinais de ansiedade e estresse procure a indicação de um veterinário para produtos fitoterápicos ou naturais para o controle de estresse.

Encontrei esse vídeo no YouTube que mostra algumas dicas para ter uma boa conversa com o seu gato ou cachorro.

Reforce o sistema imunológico do seu gato ou cachorro (fale com seu veterinário)

Converse com seu veterinário de confiança sobre a possibilidade de dar probióticos e suplementos vitamínicos para o seu cachorro ou gato. Isso ajudará a aumentar a imunidade do animal e diminuirá os impactos do estresse na saúde do seu amigo pet.

Cuide da saúde geral do seu pet

Mesmo com essas medidas pode ser que a saúde do seu pet seja impactada pelas mudanças de rotina que estamos vivendo. Observe como está os pelos e a pele dele. Está com pulgas, carrapatos ou alguma ferida? Veja o comportamento geral. Está comendo bem, fazendo xixi e cocô como sempre? Está amuado, escondido ou agressivo?Se notar alguma mudanças assim procure seu veterinário de confiança.

Caso já seja paciente desse veterinário, telefone para ele ou mande um whatsapp pedindo orientação.Evite, se possível, sair de casa. Caso tenha que ir em uma clínica ou hospital veterinário, ligue antes e agende para ir quando não houver aglomeração de pessoas.

O Outono chegou. Prepare o seu pet para o frio

Fiz um post detalhando o que podemos fazer para cuidar do nosso cachorro e gato nas duas estações mais frias do ano . Já está na hora de tirar as roupinhas do armário e preparar uma caminha mais quente para nossos amigos de quatro patas.

Dica: Veterinário a Domicílio

Uma alternativa é o atendimento veterinário a domicílio . Ela protege você dos riscos de sair de casa nesse momento de pandemia e diminui o estresse que seu pet passaria em uma saída.Caso precise de um veterinário, estou a disposição, pode me ligar ou mandar um whatsapp.

Caso queira falar comigo, clique nos botões abaixo.

Agende pelo Whatsapp

Agende pelo Telefone

Dra Vanessa Okamura

Dra Vanessa Okamura

Eu sou médica veterinária, CRMV-PR 16.455, com foco em atenção domiciliar de animais de companhia. Sou Graduada e mestranda em Clínicas Médicas pela Universidade Estadual de Londrina-UEL.